18/07/2014

À Espera por um Idiota: A Especulação no Mercado de Quadrinhos Brasileiro




Uma coisa que tenho observado, mas não vejo ser muito comentado, é a especulação sobre o preço dos quadrinhos. 

Entenda, quando compramos um carro usado (ou uma roupa usada), ele é mais barato que um novo, mas com os quadrinhos é o contrário, o que é uma insanidade, afinal aqui não é os E.U.A..

Acho absurdo sebos (aqui no RJ, a Academia do Saber é rei nisso) e pessoas (mercado livre, olx) vendendo mais caro que lojas como Fnac, Saraiva, Submarino vendem quadrinhos novos.

Lembremos que Quadrinhos são apenas papel e tinta, nada que vá trazer retorno financeiro, como investir na bolsa de valores. Lembremos também que é o consumidor (nós, mas não todos, claro) que alimenta o especulador.

Vamos nos mobilizar contra essa prática.

Grande abraço!

2 comentários:

  1. Marcio Silva29/07/2014 08:44

    Pois é...Eu até entendo a questão de ter em mãos um item raro, um item autografado pelo autor e tudo mais, mas o preço praticado com as HQs são prá lá de abusivos em certos casos.


    Da mesma forma, há tempos que eu compro meus encadernados apenas em grandes magazines online. Garimpo muito, acumulo bônus e sempre opto por quem me oferece o menor frete. Dia desses, comprei quatro encadernados do Robert Crumb a R$9,00 cada, acredita?


    Abraço!

    ResponderExcluir
  2. oi
    obrigado por comentar!
    "Dia desses, comprei quatro encadernados do Robert Crumb a R$9,00 cada, acredita?" acredito. acompanho diariamente o submarino, a fnac e o extra, que, penso eu, oferecem as melhores promoções.
    é interessante ver como os encadernados mudam de preço ao passar do tempo (não é rápido, mas compensa).
    Abç

    ResponderExcluir

Seu comentário é o nosso pagamento.