05/10/2015

[Quadrinhos] Quarteto Fantástico: Inconcebível + Ações Autoritárias



Introdução


Ultimamente tenho arranjado mais tempo para ler gibis (nada como se livrar da pressões da vida fazendo o que se gosta!) e essas edições da Salvat têm escolhido estórias muito legais de ler.

As estórias fazem parte do mesmo arco. Logo, se complementam.


Por que ler?


O começo de "Inconcebível" muito bem elaborado e mostra como Destino está corrompido e cego em sua sede de poder sem limites, sacrificando inclusive as pessoas que ama para isso.

Mark Waid conduz o leitor por uma estória que prende a atenção do começo ao fim.

Só pelo final de "Ações Autoritárias" já valeria a pena a leitura. Esse final parece um prêmio para os leitores antigos e tem algo do "Evangelho do Coiote" de Grant Morrison.


Conclusão


Enfim, gosto do Quarteto, mas, apesar de não ser um grande admirador, gostei bastante, pois faz referência ao presente e o passado do grupo (e menciona até o futuro) de uma forma bem gratificante.

Grande abraço!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você não tem que comentar, mas, se o fizer, talvez aprendamos algo juntos.