22/01/2017

[Livro] Manual de um Concurseiro (2010)/Alex Viegas

Emprestei, não me devolveram
(esqueci quem foi), mas tenho o pdf.


No começo da minha caminhada como concurseiro ouvi falar desse livro. Na época só se comprava diretamente com o próprio autor. Só um bom tempo depois passou a ser vendido por editoras grandes. 

Atualmente o livro anda esgotado e um pouco esquecido, mas ainda vale a pena. Existe inclusive um audiobook dele.  

O mérito do livro é o foco na técnica de fichas ou flash cards, que me ajudou muito a estudar para concursos.

Exemplo de ficha do autor.

Flash card é uma técnica de estudo que usa um cartão ou uma ficha pautada como ferramenta de revisão do conteúdo. Inclusive na página do facebook do autor, você pode conferir as fichas que ele utilizou.

Usei essa técnica bastante por vários meses e creio que ajudou-me a memorizar diversas regras chatas, mas necessárias para se dar bem em prova (é a melhor técnica revisional que já usei).

Além disso, o livro narra a trajetória do autor, que foi aprovado para o cargo de auditor fiscal de primeira, dando dicas e mostrando o caminho das pedras.

Enfim, ótimo livro. Recomendo a leitura para concursandos.

Grande abraço!





8 comentários:

  1. Deu certo para você? já tem o tão almejado cargo público?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Stifler,

      Fui aprovado e empossado em alguns cargos, mas continuo estudando para melhores oportunidades.

      Esse livro é bom e curto.

      abç!

      Excluir
    2. Stifler já chega desconfiando do método, rs.

      Scant, o melhor método para fixação de conteúdos ou informações são os "Flash cards".
      Depois que conheci e passei a utilizar o Anki mudei a forma de revisar o conteúdo e o desemprenho superior foi nítido!
      Boa dica!
      []'s.

      Excluir
    3. Lorde,

      Verdade pura. Lá fora inclusive há editoras especializadas em fazer flashcards. Aqui há um grande desconhecimento.
      Não conhecia o Anki, valeu pela dica!

      abç

      Excluir
  2. Vida de concurseiro é ralação. Aí quando alguém me diz que a estabilidade precisa acabar e que se poderia dispensar um cara de um cargo apenas por "querer" da administração, prefiro ficar calado ao invés de apenas dizer "vc não sabe do que fala". As pessoas às vezes gastam muita energia combatendo cargo efetivo ao invés de concentrar essa energia toda em redução extrema dos cargos em comissão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. K,

      Os cargos comissionados se tornaram uma anomalia aberrante no serviço público.

      Uma pena que ainda sejam permitidos na escala atual.

      abç!

      Excluir
    2. Permitidos e ESTIMULADOS por sindicatos. Foram estes que mais se esforçaram, por exemplo, para reajustar as CJs do PJU no último PCS. Valores ABSURDOS. Um tapa na cara da sociedade e na dos servidores que não recebem CJs e têm, em seus colegas, discrepâncias remuneratórias aberrantes.

      Excluir
    3. K,

      O que você disse é a pura verdade. É uma questão grave.

      Abç

      Excluir

Seu comentário é o nosso pagamento.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...