17/12/2017

[Livro] Quem Mexeu no meu Queijo? (2002)/ Spencer Johnson

Minha Impressão 



Faz anos que li essa interessante parábola moderna que tem uma ideia simples e poderosa: não devemos nos acomodar, pois a mudança é a única "coisa" constante. 

Devemos continuar buscando uma situação melhor independente do quanto estamos confortáveis no presente.


Exemplo pessoal: anos atrás passei em um concurso estadual após a faculdade e tive a oportunidade de trabalhar no bairro onde morava e fui criado.
Depois consegui, pela primeira vez, morar sozinho fora da casa de meus pais e ainda em um apartamento na rua em que ficava meu novo trabalho.
Mesmo assim, continuei estudando e consegui passar em um concurso federal para uma carreira com um salário melhor. 
Tive que trabalhar do outro lado da cidade carioca e perder horas no trânsito por alguns anos, hoje vejo que foi o melhor para mim.
Principalmente porque o primeiro cargo era estadual e o segundo federal. Para quem não sabe, o Estado onde moro está com salários atrasados há meses e o Federal paga em dia.  


A Estória 


Conforme explica Thyl Guerra:


O livro é uma parábola que mostra uma história de mudança num labirinto, o qual representa onde gastamos nosso tempo procurando pelo que se quer.
Envolve quatro personagens que reagem de formas diferentes à mudança que ocorre no labirinto e, à medida que vamos lendo, percebemos que os quatro fazem parte de nós mesmos.
O Queijo é colocado como uma metáfora para o que queremos da vida e cada um vai ter a sua ideia do que é o queijo para si, aquilo que tanto buscamos, acreditando que irá nos fazer felizes.
Logo, ele pode ser entendido como um emprego, um relacionamento, saúde, dinheiro, entre outras coisas. “Se o obtemos, frequentemente ficamos ligado a ele. Se o perdemos, ou se nos é tirado, isso pode ser traumático”.


Conclusão  


Quando nos acomodamos deixamos de crescer e nos desenvolver. Disso nasce uma natural aceleração da decadência física e mental.

Somente o esforço para cumprimento de metas e objetivos nos permite ter ânimo para continuar vivendo.

Muito melhor que apenas ter sonhos é planejar e buscar atingir objetivos.

Grande abraço!


______________________________________________________________


Sites Consultados:


  • https://pedagogiaaopedaletra.com/resenha-quem-mexeu-no-meu-queijo/


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você não tem que comentar, mas, se o fizer, talvez aprendamos algo juntos.